Casos de Depressão: Como conseguir o Auxílio Doença?

A depressão é uma doença séria e, segundo a Organização Mundial da Saúde, é uma das mais frequentes na população mundial, o que a torna um verdadeiro problema de saúde pública da atualidade.

O quadro de depressão torna o exercício do trabalho inviável e isso pode levar o trabalhador ao afastamento. O segurado do INSS possui direito auxílio-doença e, dependendo do caso, até a aposentadoria por invalidez.

Quais são os sintomas da depressão?

  • Dificuldade de concentração
  • humor deprimido
  • pensamentos negativos
  • redução de interesses em atividades
  • redução motora e de fala
  • autoestima baixa
  • alterações no sono
  • irritabilidade
  • perda da motivação
  • pensamentos suicidas.

Como solicitar o auxílio doença por depressão?

O trabalhador precisa comprovar a incapacidade temporária para as atividades no trabalho. O funcionário precisa afastado por mais de 15 dias corridos ou intercalados dentro do prazo de 60 dias pela mesma doença.

Além disso, o trabalhador precisa ter realizado ao menos doze contribuições à previdência social, exceto os segurados que passem a ter incapacidade por conta do ambiente de trabalho.

Preenchendo todos os requisitos necessários, o funcionário precisará passar por uma perícia médica para que seja comprovada por um médico do INSS que ele é incapaz de trabalhar e se há possibilidade de reversão.

Caso não tenha uma melhora com o passar do tempo, o segurado pode requerer a conversão do auxílio doença em uma aposentadoria por invalidez.

Auxílio doença foi negado… e agora?

É até comum os pedidos de auxílio doença serem negados pela Previdência Social. Além disso, muitas pessoas não conseguem a conversão para aposentadoria por invalidez.

Em casos assim, o segurado pode entrar com um recurso ou processo na justiça para tentar conseguir a concessão dos benefícios que são direito de quem paga o INSS.

A depressão afeta diretamente a vida do paciente e a capacidade do indivíduo é reduzida e isso pode acabar tornando a produtividade muito abaixo do esperado. O trabalhador que sofre de depressão pode acabar tendo o seu quadro piorado se permanecer sem acompanhamento, uma vez que a cobrança excessiva, concorrência e prazos podem ser o estopim para uma crise.

Qualquer doença que torne o indivíduo incapaz de trabalhar, seja ela desenvolvida ou adquirida, e ultrapasse 15 dias, gera o direito de obter o benefício por incapacidade.

Na perícia médica por depressão, o que é analisado?

O médico verificará os transtornos que acometem o trabalhador, assim como as limitações que ele está vivendo e como isso poderá interferir em seu trabalho.

O benefício pode ser negado se o trabalhador não tiver o tempo suficiente de contribuição ou se for considerado que o transtorno não é uma incapacidade que afete o trabalho.

Por isso, é sempre importantíssimo falar sobre todos os sintomas, deixar claro quais são os remédios que você toma e quais foram as interferências médicas que você precisou passar por causa desta doença.

Esteja sempre de olho em seus direitos e nos deveres de sua empresa e também do INSS. Um profissional especializado na Previdência pode te ajudar a conseguir os seus benefícios.