Bioquímica: o que é?

A bioquímica, conhecida como a “química da vida”, pode ser entendida como o estudo das reações químicas que ocorrem nos seres vivos a nível celular. Portanto, é uma disciplina que estuda as interações entre várias moléculas e elementos que, ao final desses processos, são responsáveis ​​pela manutenção da vida.

 

Embora existam milhares de moléculas, a pesquisa bioquímica concentra-se em grandes grupos, como água, minerais, proteínas, vitaminas, lipídios, enzimas e ácidos nucléicos (RNA e DNA).

Bioquímica: o que é?

O conjunto de reações em que estes compostos interferem é chamado de metabolismo – processo fundamental de sobrevivência e reprodução dos seres vivos, uma vez que fornece suas necessidades estruturais e energéticas. Alguns exemplos de processos químicos importantes são o transporte de substâncias, a produção de energia e a remoção de substâncias.

 

BIOMOLÉCULAS

As biomoléculas são compostos que são sintetizados pelo organismo e fazem parte do metabolismo. De um modo geral, essas moléculas são compostas de carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio, embora, é claro, outros elementos também estejam presentes.

 

CARBOIDRATOS

O grupo inclui açúcares. Sua principal função é servir como fonte de energia para os seres vivos (ATP). Os carboidratos também desempenham um papel estrutural, especialmente na formação de estruturas celulares e ácidos nucléicos.

 

Eles podem ser divididos em:

 

  • Monossacarídeos: carboidratos simples. Um exemplo é a glicose (C6H12O6).

 

  • Dissacarídeos: União de dois monossacarídeos. Quando essa ligação ocorre, uma molécula de água é liberada. Exemplos: sacarose, lactose e maltose.

 

  • Polissacarídeos: Formados pela combinação de mais de dois monossacarídeos para formar longas cadeias. São insolúveis em água.

 

Lipídios

Grupo formado por ceras, gorduras e óleos. São moléculas apolares, ou seja, pouca ou nenhuma solubilidade em água. Servem como reserva de energia e isolante térmico, além de fazerem parte da membrana plasmática das células.

 

ÁCIDOS NUCLEICOS

Compostos por nucleotídeos, são moléculas responsáveis ​​por armazenar informações genéticas, ou seja, RNA (ácido ribonucleico) e DNA (ácido desoxirribonucleico). Dentre suas funções, estão envolvidas na síntese de proteínas, atuam em processos celulares, regulam o metabolismo, etc.

 

Outras estruturas importantes dos ácidos nucléicos são as bases nitrogenadas, que se unem para formá-las. São eles: adenina, guanina, citosina, timina e uracila. É importante notar que o uracil está presente apenas no RNA, enquanto a timina está presente apenas no DNA.

 

PROTEÍNAS

São macromoléculas compostas por cadeias de aminoácidos. Eles possuem características como:

 

  • Catálise de reações enzimáticas;
  • celular;
  • Energia;
  • Estrutural (composto por células);
  • A formação de enzimas, anticorpos e hormônios;
  • Movimento (cílios e flagelos);
  • Suporte (por exemplo, colágeno na pele)
  • Transporte de substâncias (por exemplo, oxigênio no sangue).

 

SAIS MINERAIS

Compostos inorgânicos necessários para a vida. Sua principal função está na composição de estruturas como a membrana celular e no funcionamento de enzimas. Alguns dos sais minerais mais importantes são cálcio, ferro, iodo, sódio, potássio e outros.

 

Vitaminas

Eles estão envolvidos em várias reações no corpo e são necessários para prevenir problemas de saúde. As vitaminas podem ser solúveis em água (água), solúveis em gordura (lipídios) ou solúveis (ambos). Algumas vitaminas importantes: Complexo A, B (B1, B3, B6, B9 e B12), C, D, E e K.

 

ÁGUA

Composto inorgânico necessário à vida em todo o planeta, a água compõe mais de 50% da composição dos organismos vivos, sendo a substância mais comum na Terra.

 

Suas principais funções são:

 

  • Controle térmico;
  • substâncias dissolventes;
  • Lubrificação de juntas e outras estruturas;
  • sudorese;
  • Transporte de moléculas.

 

METABOLISMO

Mencionei anteriormente que a bioquímica estuda as reações químicas que ocorrem nos seres vivos e que esse conjunto de reações é chamado de metabolismo. Bem, as reações metabólicas produzem a síntese e a quebra de biomoléculas, ajudando, entre outras coisas, a produzir energia.

 

O metabolismo pode ser dividido em dois processos. Elas:

 

  • Anabolismo: Envolve as reações químicas de síntese de biomoléculas, ou seja, a transformação de uma substância em outra. Um exemplo é a produção de macromoléculas que compõem as células.

 

  • Catabolismo: São reações cujo objetivo é quebrar biomoléculas em estruturas menores para obter energia. O catabolismo pode ser dividido em catabolismo aeróbico (sem oxigênio) e anaeróbico (sem oxigênio).

 

Apesar de suas funções opostas, o anabolismo e o catabolismo formam um conjunto de reações que sustentam a vida de forma complementar: enquanto o catabolismo provoca a liberação de energia, o anabolismo utiliza essa energia para sintetizar biomoléculas.

 

Interessado na área? Confira o Curso de Bioquímica!

 

Continue lendo nosso site!